O Projeto FORLAND – Riscos hidro-geomorfológicos em Portugal: forçadores e aplicações ao ordenamento do território (GEO/1660/2014), financiado por fundos nacionais através da FCT – Fundação para a Ciência e a Tecnologia, I.P., teve início a 1 de Junho de 2016 e prolonga-se durante 36 meses.

Este projeto coordenado pelo CEG-IGOT (Universidade de Lisboa) é composto por uma equipa multidisciplinar de 22 investigadores que irá estudar as forças motrizes dos desastres hidro-geomorfológicos em Portugal e propor orientações proactivas para o ordenamento do território.